Menu
1 a 3 dias

1 dia em Lisboa: o que fazer, ver ou descobrir?

Porque o tempo que estiver em Lisboa deve ser aproveitado da melhor forma, apresentamos-lhe uma tour non-stop pelos bairros mais típicos da cidade, que o levará a conhecer zonas bem tradicionais e muito pitorescas, e que representam as suas raízes mais profundas. 

Etapa 1. Conhecer o Bairro da Mouraria
Levante-se bem cedinho e prepare-se para ir até ao Martim Moniz para aproveitar as escadas rolantes que sobem até ao Castelo de São Jorge. O seu primeiro destino é o Bairro da Mouraria.  

Etapa 2. Conhecer Alfama
Caminhe até ao Largo das Portas do Sol, aproveitando a luz do meio-dia para tirar umas fotografias e conhecer o belíssimo bairro de Alfama. 

Etapa 3. Almoçar no mercado de Campo de Ourique
Apanhe o tão famoso eléctrico 28 em direcção a Campo de Ourique — Prazeres para almoçar no mercado de Campo de Ourique, um local muito conhecido e frequentado na cidade. Desça na paragem da Igreja do Santo Condestável.

Etapa 4. Conhecer o bairro da Madragoa
Após o almoço, volte a apanhar o eléctrico 28, agora em direcção ao Martim Moniz, e saia no Largo de Santos-o-Velho. Muito próximo deste bairro, pode ter o prazer de visitar o Museu da Marioneta e/ou o Museu Nacional de Arte Antiga.

Etapa 5. Jantar no Chiado 
Entre, uma última vez, no eléctrico 28 em direcção ao Martim Moniz e escolha a paragem Largo de Camões. Se preferir um jantar mais boémio e confeccionado por um chef galardoado com estrelas Michelin, visite o Bairro Alto Hotel Restaurante. Se, no entanto, pretender relaxar num local mais informal, tem à sua disposição, na zona do Chiado, várias outras opções fantásticas para o seu jantar. 

Etapa 6. Terminar o dia no Bairro Alto
Após o seu jantar, não há nada que saber: dê um pulinho ao Bairro Alto e descubra o espírito nocturno do bairro e da própria capital!

Últimos posts

Fundação Calouste Gulbenkian: vista de fora do edifício
Atracções

Fundação Calouste Gulbenkian: um tesouro histórico no centro de Lisboa

Um riquíssimo património natural e cultural no centro de Lisboa: assim podemos caracterizar a Fundação Calouste Gulbenkian. Embora comummente conhecida pelo seu jardim e pela sua biblioteca, este espaço é muito mais do que isso. Na verdade, cada metro quadrado seu carrega uma desmesurada importância, tanto para o desenvolvimento cultural, como para o desenvolvimento humano em Portugual e além-fronteiras.

Saiba mais
Carnaval em Lisboa: Máscara de Veneza
Eventos

Carnaval em Lisboa: As melhores festas de 2020

Vá buscar as bombinhas de mau cheiro, os confetti, os brilhos, as serpentinas, as plumas, as máscaras e os fatos mais irreverentes…. chegou o Carnaval!! Um evento que apaixona perdidamente os mais foliões e aqueles que não perdem, por nada, a alegria, a festa e a vida que enchem as cidades um pouco por todo o país. Como se costuma dizer, a vida são dois dias e o Carnaval são três, e, portanto, há que os viver da melhor maneira.

Saiba mais